NOVOS DESAFIOS!!

É incrível como alguns sonhos te empurram para realidade!

Os meus, muito sutis, me chutaram pra uma linda lojinha de porta vermelha, com direito a chão de cimento queimado e ladrilho hidráulico, visita diária de passarinhos, cheirinho de felicidade e barulhinho de cozinha...isso mesmo!! O barulhinho do restaurante-meu-vizinho, faz com que eu me sinta trabalhando em casa!!

E depois de 10 anos com Villa da Cor, recortando, colando, costurando, me empenhando, com muitos sorrisos, um pouco de frustração, alegrias, reconhecimento do meu trabalho, perfeccionismo irritantemente-encantador, eu oficialmente estou encerrando as atividades da Villa da Cor!!

Quero agradecer por tudo de bom que a Villa da Cor me trouxe até agora, mas as vezes as mudanças chegam para ficar, e a minha mostrou a que veio!

E antes que me perguntem se eu vou continuar a arrumar o meu armário de tecidos no melhor padrão “andreístico” que isso pode significar... (traduzindo = como se o mundo fosse acabar??)
Simmmm, eu vou continuar arrumando meu armário, como sempre fiz, separado por cores e utilizando cada um dos meus critérios!
Além desse pequeno detalhe também definir quem eu sou, uma mudança mais radical no meu armário me afetaria de forma irreversível...rs

O lado bom da história? Bom, agora começa uma nova fase...
Alegre, vibrante, colorida, prática, funcional e é claro, encantadoraaaa!!

Afinal o Lá Na Villa é um ateliê de encadernação que possui todos estes ingredientes!

E quero agradecer a todos os meus amigos e clientes que sempre me apoiaram e incentivaram durante todo esse trajeto.

Aproveito também para agradecer a minha amiga-sócia-parceira-de-porta-vermelha Luciana Volpato Pannain, que no fim das contas resolveu sonhar junto comigo, e assim juntar os paninhos e papelões!

E bora lá fazer peças novas com tudo isso que tá aqui dentro!!

Preciso dizer também que algumas pessoas foram e são especiais demais para mim durante todo esse período e eu não teria conseguido sem elas!!
Para essas pessoas....bom, no momento eu não consigo retribuir com palavras...mas um “obrigada” é sempre bem, vindo!!

Até o próximo post!

Andréia Salomão.